Os melhores apoios para criar uma empresa – Apoios à Criação do Próprio Emprego, IEFP

Os Apoios à Criação do Próprio Emprego por Beneficiários de Prestações de Desemprego, fazem parte de uma medida no âmbito do Programa de Apoio ao Empreendedorismo e à Criação do Próprio Emprego, que consiste na atribuição de apoios a projetos de emprego promovidos por beneficiários das prestações de desemprego, pelo facto em que se antecipam as prestações de desemprego, desde que os mesmos assegurem o emprego, a tempo inteiro, dos promotores subsidiados. Pode ainda consultar aqui os referidos apoios.

O apoio financeiro é concedido através de:

  • Pagamento, total ou parcial, do montante global das prestações de desemprego, deduzido das importâncias eventualmente já recebidas;
  • Possibilidade de cumulação com a modalidade de crédito com garantia e bonificação da taxa de juro (linhas MICROINVEST E INVEST+);
  • Apoio técnico à criação e consolidação de projetos (facultativo).

Os Apoios à Criação de Empresas concentram-se numa medida no âmbito do Programa de Apoio ao Empreendedorismo e à Criação do Próprio Emprego, que tem por base a atribuição de apoios a projetos de criação de empresas de pequena dimensão com fins lucrativos, incluindo cooperativas, através do acesso a linhas de crédito com garantia e bonificação das taxas de juro concedidas por instituições bancárias.

             Neste último contexto enquadra-se ainda o Crédito ao investimento, o qual é concedido por instituições bancárias, através de 2 linhas de crédito, e beneficia de garantia, no quadro do sistema de garantia mútua, e de bonificação de taxa de juro. Apresentamos de seguida as duas Linhas de Crédito a esse investimento:

Linha de Crédito – INVEST+

    Neste contexto de investimento o montante a investir tem de ser superior a 20.000€ e pode ir até 200.000€. Tem um financiamento de até 100.000€, o qual pode ter 2 anos de carência de capital e o reembolso é feito no prazo de cinco anos com prestações mensais (amortizações constantes de capital). As taxas de juro presentes são a Euribor a 30 dias, acrescida de 0,25% com taxa mínima de 1,5% e máxima de 3,5% (o 1º ano de juros é integralmente bonificado, e o 2º e 3º anos são bonificados parcialmente pelo IEFP).

Nota: Os créditos a conceder, no âmbito do Invest+, têm como limites 95% do investimento total e 50.000€ por posto de trabalho criado a tempo completo.

Linha de Crédito – MICROINVEST

Neste contexto de investimento o montante a investir vai até 20.000€. A linha de Crédito Microinvest dispõe de um financiamento até 200.000€, o qual pode ter 2 anos de carência de capital e o reembolso é feito também no prazo de cinco anos com prestações mensais (amortizações constantes de capital). As taxas de juro presentes são também a Euribor a 30 dias, acrescida de 0,25% com taxa mínima de 1,5% e máxima de 3,5% (o 1º ano de juros é integralmente bonificado, e o 2º e 3º anos são bonificados também parcialmente pelo IEFP).

A Medida de Apoio Técnico à Criação e Consolidação de Projetos (ATCP) tem por base a prestação de apoio técnico a promotores de projetos que queiram criar o próprio emprego ou empresa, no que diz respeito a medidas e programas de apoio ao empreendedorismo levados a cabo pelo IEFP, IP.

Nas modalidades deste apoio destacam-se:

• Apoio técnico prévio à aprovação do projeto de criação do próprio emprego ou empresa, incluindo o desenvolvimento de competências em empreendedorismo e apoio específico à criação e estruturação do projeto, tendo em conta a elaboração de planos de investimento e de negócio;

• Apoio técnico à consolidação do projeto, nos dois primeiros anos de atividade da empresa, incluindo o acompanhamento da execução do projeto aprovado e consultoria em temas relacionados com a gestão e operacionalização da atividade.  

Os destinatários destes apoios são desempregados inscritos nos serviços de emprego ou outros públicos com especiais dificuldades de inserção e que promovam projetos de criação do próprio emprego ou empresa, no que diz respeito a programas e medidas de apoio ao empreendedorismo promovidos pelo IEFP, IP, isoladamente ou em conjunto com outras instituições.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.